Eleições Legislativas 2011

Junho 01 2011

Em mais uma manhã de campanha marcada pela agricultura, o líder do CDS começou o dia a pisar a terra da herdade do Vale da Rosa, em Ferreira do Alentejo, e a olhar para o “pintalgar” das uvas de mesa sem grainha que são ali produzidas.

 

“[A empresa] é um exemplo extraordinário de como a agricultura tem todo o potencial para ajudar o país a desendividar-se”, disse o líder do CDS, ao lado do gestor da herdade, António Silvestre, que já herdou a exploração do pai e que já era exportadora em 1972. 

A poucos dias das eleições, Portas só quis falar de agricultura. Questionado sobre se tem sido uma campanha “sem grainha”, Portas respondeu de forma afirmativa e usa a mesma expressão para reagir à crítica de “esquerdismo tardio” lançada ontem pelo fundador do PSD, Pinto Balsemão. “Não falo de grainha, falo de uva”, gracejou.

Mais a sul, em Tavira, Portas encontra outro exemplo de sucesso na agricultura, desta vez, na produção de plantas e flores. Na paleta de cores da sua preferência não está o rosa nem o vermelho. Está o branco dos gerânios que fotografa com o seu telemóvel. “São duas empresas extraordinárias que venceram pelo trabalho”, rematou. 

fonte:http://www.publico.pt/

publicado por adm às 22:49

Tudo sobre as Eleições Legislativas 2011
pesquisar
 
Pesquisa personalizada
links
Web Stats