Eleições Legislativas 2011

Maio 25 2011

 

 

Segunda sondagem do estudo contínuo da Eurosondagem para o ExpressoSIC e Rádio Renascença mostra um crescimento do partido de Passos Coelho.

 

A diferença entre os dois (1,7 pontos percentuais) ainda está dentro da margem de erro (que é de 4,34%), mas esta sondagem mostra um crescimento do PSD, ainda que leve, e uma descida, também suave do PS.

 

No segundo de dez estudos diários da Eurosondagem a publicar até final da campanha (o único dia em que não haverá sondagem é o próximo domingo), os sociais-democratas voltam a ter razões para sorrir, depois do primeiro inquérito, revelado na terça-feira, ter deixado os socialistas mais satisfeitos.

Neste estudo, destaque ainda para a leve descida do partido de Paulo Portas, que ainda assim se mantém acima dos 13% nas intenções de voto. E para a subida do BE (0,1%) e da CDU (0,5%).

 

Maioria de direita em formação


A soma do PSD, que lidera as intenções de voto, e do CDS, faz com que agora pareça mais próxima uma maioria absoluta de direita para governar o país, caso os resultados de 5 de junho confirmem esta "fotografia" da realidade. Os dois partidos somam 46,9%, contra 46,8% dos partidos da esquerda.

 

A sondagem é feito com base em cinco mil entrevistas validadas, 500 por dia. Para o resultado deste segundo dia, é feita uma ponderação, valendo as respostas de cada um dos dois dias 50% para a contabilização do resultado.


Ficha técnica

 

Estudo de Opinião efetuado pela Eurosondagem, S.A. no dia 24/05/2011 para o Expresso, SIC e Rádio Renascença, com o objetivo de conhecer a intenção de voto.

O Universo é a população com 18 anos ou mais, residente em Portugal Continental e habitando em lares com telefone da rede fixa.

A amostra foi estratificada por Região (Norte -19,8%; A.M. do Porto - 13,9%; Centro - 30,4%; A.M. de Lisboa - 26,1%; Sul - 9,8%), e aleatória no que concerne ao Sexo e Faixa Etária, de onde resultou Feminino (51,6%), Masculino (48,4%) e 18/30 anos (18,8%), 31/59 anos (49,2%) e 60 anos ou mais (32,0%), num total de 510 entrevistas telefónicas validadas, dado que 253 (33,1%) das 763 tentativas efetuadas não aceitaram colaborar ou responderam não ir votar.

O resultado projetado da intenção de voto, é calculado mediante um exercício meramente matemático, presumindo que os 24,5% respondentes "Ns/Nr" se abstêm e resulta da seguinte média: Dia 23/05 - 50%, dia 24/05 - 50%.

O erro máximo da Amostra é de 4,34 %, para um grau de probabilidade de 95,0%.

Um exemplar deste Estudo de Opinião está depositado na ERC.

fonte:http://aeiou.expresso.pt/psd-destaca-se-do-ps=f651152


publicado por adm às 22:19

Tudo sobre as Eleições Legislativas 2011
pesquisar
 
Pesquisa personalizada
links
Web Stats