Eleições Legislativas 2011

Maio 09 2011

A cabeça de lista do CDS-PP pelo Círculo de Leiria às eleições legislativas advertiu hoje que o programa da 'troika' "não vai resolver os problemas de fundo da economia portuguesa", que necessita de "produtividade e competitividade".

"O FMI [Fundo Monetário Internacional] vem emprestar-nos dinheiro para que o país possa responder aos credores", afirmou Assunção Cristas, em Leiria, onde apresentou a equipa que a acompanha às eleições legislativas de 05 de Junho e efectuou o balanço da sua actividade parlamentar.

Assunção Cristas sublinhou que "não se pode cair no erro de pensar que o FMI vem e fica tudo tratado", sustentando que os problemas económicos "só os portugueses é que os podem ajudar a resolver".

A deputada, que repete a candidatura por Leiria, defendeu a necessidade de o "crescimento económico" estar na agenda política e, embora haja previsão de recessão, "não se pode baixar os braços".

"O programa do FMI deixa espaço suficiente para o crescimento económico, para outras políticas que não estão lá, mas que o país é capaz de concretizar", declarou a candidata, considerando que o papel do Estado, "mesmo dentro desta austeridade, é abrir janelas de oportunidade" para a economia crescer.

Em matéria de austeridade, Assunção Cristas, que integrou a Comissão Parlamentar de Orçamento e Finanças, subscreveu as medidas em relação aos organismos do Estado, apontando a necessidade de haver uma "exigência de rigor nas contas públicas".

 

"É preciso um Estado mais capaz, mais ágil", disse, declarando-se a favor da "revisão do mapa autárquico, no sentido de haver menos câmaras e menos juntas de freguesia", assim como da extinção dos governos civis, como aliás consta na proposta de revisão da Constituição do CDS-PP.

Assunção Cristas acrescentou que acredita na eleição de um segundo deputado por Leiria, depois de em 2009 o CDS-PP ter ficado "a menos de seis mil votos" da sua conquista.

O círculo de Leiria elege dez deputados. Em 2009, PSD e PS conquistaram, cada um, quatro lugares no Parlamento, enquanto CDS-PP e Bloco de Esquerda repartiram os dois restantes.

Além de Assunção Cristas, os primeiros lugares da lista de Leiria do CDS-PP são ocupados por Manuel Isaac e Pedro Bastos.

fonte:http://www.dn.pt/

publicado por adm às 23:14

Tudo sobre as Eleições Legislativas 2011
pesquisar
 
Pesquisa personalizada
links
Web Stats