Eleições Legislativas 2011

Maio 06 2011

O PS e o PSD continuam tecnicamente empatados nas intenções de voto nas próximas eleições legislativas. Os socialistas, com 36 por cento das intenções de voto, têm agora uma vantagem de 2 por cento sobre os social-democratas, revela uma sondagem da Universidade Católica para a RTP, a Antena 1, o "Diário de Notícias" e o "Jornal de Notícias".

Realizada nos dias 30 de Abril e 1 de Maio de 2011, a sondagem obteve 1370 inquéritos válidos, que dão ao PS 36 por cento das intenções de voto, contra 34 por cento ao PSD. O CDS-PP é o terceiro partido, com 10 por cento das intenções de voto, enquanto a CDU apresenta 9 por cento e o Bloco de Esquerda 5 por cento. A margem de erro associado à amostra é de 2,6 por cento.

Segundo os dados de outra sondagem realizada pela Universidade Católica em Abril, o PSD venceria então com 39 por cento dos votos e o PS teria 33 por cento. Os resultados obtidos este mês pelo Partido Socialista mostram que o PSD se encontra em queda acentuada, tendo perdido cerca de 5 por cento das intenções de voto.

Tal como aconteceu no barómetro de Abril, o número de indecisos continua muito elevado e é agora de 30 por cento do total da amostra, contra 32 por cento no mês passado. O número de votos brancos e nulos também desceu 2 por cento.

O CDS-PP sobe nas intenções de voto, passando de 7 para 10 por cento, mas mesmo assim uma eventual coligação com o PSD fica mais longe da maioria absoluta do que estava em Abril.

A grande maioria dos inquiridos (58 por cento) continua a preferir um governo de coligação e apenas 26 por cento um governo minoritário.

Ficha técnica

Esta sondagem foi realizada pelo Centro de Estudos e Sondagens de Opinião da Universidade Católica Portuguesa (CESOP) para a Antena 1, a RTP, o Jornal de Notícias e o Diário de Notícias nos dias 30 de Abril e 1 de Maio de 2011. O universo alvo é composto pelos indivíduos com 18 ou mais anos recenseados eleitoralmente e residentes em Portugal Continental. Foram obtidos 1370 inquéritos válidos, sendo que 58% dos inquiridos eram do sexo feminino, 33% da região Norte, 20% do Centro, 34% de Lisboa e Vale do Tejo, 6% do Alentejo e 6% do Algarve. A taxa de resposta foi de 52,4%. A margem de erro máximo associado a uma amostra aleatória de 1370 inquiridos é de 2,6%, com um nível de confiança de 9

fonte:http://www.rtp.pt/noticias/index.php?t=PS-e-PSD-continuam-tecnicamente-empatados.rtp&article=439324&layout=10&visual=3&tm=9

publicado por adm às 08:32

espero vivamente que o PS ganhe estas eleições. É o único partido com um lider á altura das novas responsabilidades. Até hoje Socrates foi o único que teve coragem de ser um Homem na Politica.
bruno a 27 de Maio de 2011 às 23:38

Desculapa?? O Socrátes é um aldrabão e se o país está como está o devemos a ele. A táctica dele é roubar-nos o máximo possível para lhe por a comida na mesa e para encher os tachos aos amigos dele. Passos Coelho que ganhe ou outro qualquer, porque isto com o José Socrátes só vai mais para o fundo. Quem vota no Socrátes é porque gosta de passar fome . Ele é um ditador que comporu o curso, engenheiro não sei onde. Até a minha gata geria melhor o pais que ele.
Celeste a 30 de Maio de 2011 às 20:03

Cara senhora

O seu gato deve ser um bichano muito inteligente...quem sabe mais inteligente que a propria dona!
Gostava de ver pessoas como a senhora a governar o País por um dia que fosse, pois o dizer mal e criticar é facil...e os actos? Quando se deitar pense assim: Acabou o dia...deixa lá ver o que foi que eu fiz pelo meu País? resposta...NADA!
O Engº José Socrates, ou o Primeiro Ministro José Socrates, ou mesmo o Zé, como prefira, não precisava de qualquer curso para liderar o País...uma licenciatura nunca deu inteligência a ninguem e às vezes os pedreiros e calceteiros e outros com funções nobres conseguem ter opiniões válidas e ideias concretas e bem funadamentadas, mas no entanto esteve a frente do País durantes todos estes anos e liderou Portugal através de uma das piores tempestades económicas GLOBAIS!
Nunca abandonou o barco e pelo menos deve lhe ser dado esse crédito.
Anónimo a 1 de Junho de 2011 às 16:34

As sondagens foram são e serão uma grande treta... Nunca acreditei nas sondagens nem nos empates técnicos...
Creixo a 5 de Junho de 2011 às 23:29

Tudo sobre as Eleições Legislativas 2011
pesquisar
 
Pesquisa personalizada
links
Web Stats